Viciado em Cinema e TV (A Sequela) por Nuno Cargaleiro

Outubro 13 2005


Teacher Kitano: So today's lesson is... you kill each other off 'til there's only one left. Nothing's against the rules.


"Batle Royale" revelou-se ao mundo em 2000 e desde aí que tem mobilizado o gosto do público e defenindo-se como um filme de culto do cinema japonês. Com um toque agressivo mas cuidado das suas personagens, "Batle Royale" representa-nos um mundo a muda de século onde o conceito de ordem e "moralidade" modificam-se diante de um mundo que também muda, e cujo futuro, aqui representado pela juventude, apresenta-se como ameaçador.

O conceito do filme é bastante simples: de modo a controlar a juventude cada vez em maior número, graças à sobrepopulação, e com um poder cada vez mais dominante, o Governo decide escolher aleatóriamente uma turma de liceu e levá-los para uma ilha deserta. Aqui serão dados mantimentos, mapas e armas a cada um deles. Têm três dias. Se acabar esse período e existir mais do que um dos jovens vivo, morrerão todos. A solução é matarem-se uns aos outros, sem motivo aparentemente algum a não ser a sobrevivência.

Paralelamente, existem pequenas histórias, algumas com maior destaque do que outras, mas determinantes a personalizar as personagens de modo a humanizá-las. Sem este aspecto, todo o filme não seria mais do que um festival de sangue e violência seco e desprovido de conteúdo, o que lhe retiraria a maior parte do seu encanto. Talvez seja por esta mesma razão que se depender da produtora do filme "Toei", o filme nunca será distribuido nos cinemas americanos e tão pouco será feito um remake pelos mesmos.

"Batle Royale" é um filme choque, que nos confronta com a nossa própria guerra no mundo ocidental que tende a ser cada vez mais individualista, brutal, e contaminado pelo voyerismo apático das massas. Demasiadas questões são levantadas pelo filme, embora possivelmente a mais importante seja a relativa ao tempo e modo como o utilizamos na nossa vida e na vida dos que nos rodeiam, conhecidos ou não.

Filme de absoluta qualidade, totalmente imperdível! Procurem em lojas de DVD, pois ainda há três dias vi-lo numa loja bastante conhecida ao modesto preço de 12 euros... Vale a pena!

4 estrelas
Muito Bom

publicado por Nuno Cargaleiro às 18:06

Outubro 2005
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11

17
18

24
25
29

30
31


arquivos
pesquisar